Filed In: Business

7 filmes de moda que você precisa assistir nessas férias

Ok, eles não são exatamente filmes sobre moda, mas a intenção ainda vale. Afinal, os filmes se apoiam nos figurinos para contar uma história, passar credibilidade e construir seus personagens. Alguns mais do que outros fazem esse trabalho tão bem feito que são um prato cheio para quem ama moda.

Por isso, prepare a pipoca e mergulhe com a gente nessa seleção de 7 filmes de moda que você (provavelmente) nunca ouviu falar mas vão tornar as suas férias muito mais encantadoras.

1. A Regra do Jogo (1939)

No final da década de 30, convidados de um casal burguês e seus empregados passam o verão em uma casa de campo. Um baile de máscaras é dado e várias tramas de romance são desenroladas, abalando a ordem social vigente. O figurino é assinado por Coco Chanel, que se inspirou nos uniformes do orfanato onde passou a infância para criar o vestido preto de punhos e colarinhos brancos da camareira Lisette.

A Regra do Jogo

2. Noivo Neurótico, Noiva Nervosa (1977)

Dirigido por Woody Allen, este filme conta a história do comediante Alvy Singer (Woody Allen), que desenvolve uma paixão neurótica por Annie Hall (Diane Keaton). Além de ter conquistado quatro Oscar em 1978 (entre eles, o de melhor filme), o figurino é assinado por Ralph Lauren. Durante a trama, as roupas usadas por Diane se assemelham muito as de Woody: camisas e calças largas, coletes e gravatas.

Noivo Neurotico, Noiva Nervosa

3. O Quinto Elemento (1997)

O filme, de ficção científica, conta a história de um taxista que tenta impedir a destruição da Terra, buscando descobrir o que é o quinto elemento. A história se passa no século XXIII e conta com carros voadores, maquiagem Chanel que se aplica sozinha e figurino criado por Jean Paul Gaultier. O macacão de tiras usado pela personagem Leeloo (Milla Jovovich) e seu cabelo laranja se tornaram marca registrada dessa história futurista.

O Quinto Elemento

4. O Bandido da Luz Vermelha (1968)

O filme se passa em São Paulo e conta a história de Jorge (Paulo Villaça), inspirado na trajetória real do bandido João Acácio Pereira da Costa. Jorge é um personagem complexo que, ao assaltar casas, começa a se vestir com as roupas roubadas, ficando obcecado por camisas estampadas e calças justas. Segundo Alexandra Farah, é “um exemplo raro de filme nacional que usa o figurino masculino como ferramenta de narrativa”.

O Bandido da Luz Vermelha

5. Moulin Rouge: Amor em Vermelho (2001)

Velho conhecido, eu sei. Mas é tão incrível que não podia ficar de fora. Os responsáveis pelo figurino, Catherine Martin e Angus Strathie, desenharam centenas de croquis e fizeram os polêmicos corseletes uma das principais tendências da época. Uma curiosidade: estrela do filme, Nicole Kidman odiou ter que usá-los e, inclusive, quebrou uma costela nos ensaios. Ops!

Moulin Rouge

6. Ame-me Esta Noite (1932)

O apaixonante musical conta a história de um chique alfaiate francês que se apaixona por uma princesa. O galã Maurice Chevalier, ícone fashion que ficou conhecido na França por usar smoking com chapéu de palha, é um dos principais motivos para se ver o filme. A charmosa princesa Jeanette (Jeanette MacDonald) é outro destaque – a facilidade da atriz de se despir em cena, assim como as camisolas rendadas que ela usava, conquistaram os holofotes da época.

Ame-me Esta Noite

7. Charada (1963)

Não tinha como fazer uma lista que une filmes e moda sem citar Audrey Hepburn e Hubert Givenchy. Nesse suspense, Audrey interpreta Regina, uma milionária que, ao voltar de férias, encontra o marido morto. Givenchy construiu uma jovem dama sem as saias rodadas, abusando de cores e tailleurs, marcando a transição do estilo de Hepburn: da menininha meiga para a mulher segura e independente. O look mais marcante, um vestido com capa de chuva e galochas, não foi o preferido da atriz, e sim um casaco vermelho de lã, que foi pra casa com a atriz no fim das filmagens.

Charada

* Apresentando esses e outros filmes apaixonantes, a jornalista Alexandra Farah escreveu “101 filmes para quem ama moda“. Com curiosidades e fotografias dessas produções, o livro foi publicado pela editora Senai-SP neste ano.

 

Gostou?

Pra ficar sabendo (só uma vez por semana!) do que publicamos de mais legal aqui no Costanza Who,
clique aqui e cadastre seu email na nossa newsletter


SPFW TRANS N42: tudo que você precisa saber

Começa amanhã, domingo 23, a 42ª edição do SPFW. Com o prefixo TRANS, ela assume justamente esse caráter transitório, já que é a última vez que o evento acontece no sistema atual – a partir de 2017, os desfiles passam a acontecer em março em agosto e no formato “see now, buy now”. Mas por que isso mudou tanta coisa, você pode se questionar? É que, até a próxima edição, o tempo ficou muito menor e assim muitas marcas decidiram pular o SPFW N42 para retornar na próxima.

SPFW TRANS n42 novidades

Backstage do Lucas Magalhães na última edição do SPFW

O local sofre uma pequena mudança – o SPFW ainda acontece no Ibirapuera, mas dentro de uma tenda nos jardins do parque ao invés da Bienal. Assim, essa edição também vai ser marcada por um grande tour pela cidade, já que muitos criadores optaram por desfilar suas coleções fora.

LAB e outras novidades da SPFW TRANS N42

Uma grande estreia que pareceu comover o mundo da moda: é a LAB, dos irmãos Emicida e Evandro Fióti. Quem quiser entender um pouquinho mais do que esperar desse desfile, vale ler essa ótima entrevista com o rapper feita pela minha ex-colega de L’Officiel, agora no Estadão, Anna Rombino.

SPFW: como o novo formato "see now, buy now" vai afetar a imprensa de moda Além disso, no line-up temos Memo por Lolitta, a nova marca das estilistas Juliana Jabour e Karen Fuchs, Just Kids, e um desfile unificado do Experimento Nohda, que reúne as marcas do grupo Pat Bo, Apartamento 03 e Lucas Magalhães num desfile no Teatro Oficina.

Para futuras referências, o line-up do SPFW TRANS N42 ficou assim:

Domingo 23.10
17h Animale

Segunda-feira 24.10
10h30 A La Garçonne
13h30 Reinaldo Lourenço
17h30 Patrícia Viera
20h30 LAB

Terça-feira 25.10
10h00 Fernanda Yamamoto
11h30 Lolitta
14h30 Experimento Nohda
17h30 A. Brand
19h30 Lilly Sarti

Quarta-feira 26.10
10h00 Iódice
12h30 Água de Coco
14h30 Ronaldo Fraga
17h00 Vitorino Campos
18h30 Amir Slama
20h00 Osklen

Quinta-feira 27.10
12h20 Gloria Coelho
13h30 VIX
17h00 Just Kids
18h00 Samuel Cirnansck
19h30 Ratier
20h30 Helo Rocha

Sexta-feira 28.10
13h00 Memo E+
15h00 Cotton Project
19h00 João Pimenta
20h30 Coca Cola Jeans

Acompanhe

Essa matéria faz parte da cobertura do SPFW TRANS N42

 

Gostou?

Pra ficar sabendo (só uma vez por semana!) do que publicamos de mais legal aqui no Costanza Who,
clique aqui e cadastre seu email na nossa newsletter


Como ganhar tempo e organizar sua caixa de e-mail

Adulto gosta mesmo é de caixa de entrada vazia. Brincadeiras à parte, poucas expressões traduzem tão bem o meu sentimento de satisfação ao limpar todas as notificações de e-mails novos. Pra mim tem um efeito catártico – me sinto mais leve, pronta para partir para a próxima tarefa. Sou uma procrastinadora profissional, e desde que tornei manter meus e-mails em dia uma obsessão (é tudo ou nada!), senti uma bela diferença na minha produtividade.

Como organizar sua caixa de email 2

Mas não é tarefa fácil, caso contrário não teria tanta gente desesperada com os e-mails acumulados na casa dos milhares (credo!). Juntei aqui 3 dicas de como colocar a casa em ordem depois que a situação já saiu do controle – e uma delas é a ferramenta que salvou a minha vida, literalmente.

1. Mais do que 6 meses? Delete sem dó

Essa aqui eu fiz valer: uso meu gmail para trabalho e as mensagens não lidas já tinham ultrapassado 1.000. Isso sem contar os que já estavam marcados como lidos, mas ainda ocupavam espaço. Foi então que tomei uma decisão radical: selecionei todos os e-mails de antes de 6 meses atrás e deletei sem dó mesmo! Se você não respondeu ou precisou até agora, provavelmente não vai te fazer falta. Melhor decisão da minha vida, juro.

Como organizar sua caixa de email 2

2. Mas e os recentes, o que fazer com eles agora?

Não dá pra ser sonhador e achar que você vai olhar um por um para filtrá-los. A minha solução foi selecionar os 800 que sobraram e marcar todos como lidos. E, a partir desse momento, fiz questão de não deixar mais acumular nada que não fosse necessário. Deletava o que não não seria lido e resolvia o que fosse necessário o mais rápido possível. Aí, daqui uns 6 meses, deleto de novo os mais antigos e pronto. Super possível, vai?

3. Também recebe e-mails inúteis? Há solução!

Eis que descobri que a minha caixa de entrada enchia muito rápido! Não havia pró-atividade que desse conta – só que a grande maioria eram aquelas newsletters automatizadas. Ou de lojas que eu tinha zero interesse ou até de assinaturas que fiz conscientemente, mas quando ia ver nunca abri. Só que ninguém tem tempo pra se desinscrever de uma por uma, né? Pois é claro que já inventaram um sistema pra isso. Quem usa Outlook (como o hotmail, por exemplo) Gmail, Google Apps, Yahoo! Mail, AOL Mail e iCloud pode (e deve) apostar no Unroll.me. É fácil, de graça e em 10 minutinhos você deixa a sua vida muito mais produtiva. Não vou nem me estender porque ele é tão intuitivo e automático que dispensa introduções.

 

Gostou?

Pra ficar sabendo (só uma vez por semana!) do que publicamos de mais legal aqui no Costanza Who,
clique aqui e cadastre seu email na nossa newsletter