O projeto BtoBe da Casa de Criadores

Até a última edição, o projeto Ponto Zero era considerado uma das principais portas de entrada para estilistas apresentarem coleções na Casa de Criadores. A partir desse ano, no entanto, o projeto será substituído pelo BtoBe (Brazilians to Be), concurso que agora abrange sua atuação para representantes do todo o Brasil. O BtoBe surgiu de uma parceria entre a Casa de Criadores e o Texbrasil e seleciona talentos em duas categorias: Empreendedores de Moda e Estudantes de Moda.

O concurso garante aos vencedores um certo acompanhamento em atividades de capacitação e promoção comercial. “Nosso objetivo é desenvolver, em parceria com a Apex-Brasil, uma mentalidade global de negócios, dando apoio para que os estilistas aprimorem suas atividades em diversas áreas”, comenta Evilásio Miranda, gerente do núcleo de moda e design do Texbrasil. Projeto BtoBe - Brazilians to be
“Estamos muito satisfeitos com a real ampliação do concurso, que teve inscritos de estados como Ceará, Paraná, Minas Gerais e Rio Grande do Norte, para citar alguns exemplos. Já nesta primeira edição, comprovamos a existência de uma demanda reprimida por parte de outras capitais, como Belo Horizonte, antes não contempladas pelo Ponto Zero.”

Para o idealizador e diretor da Casa de Criadores, André Hidalgo, o BtoBe nada mais é do que uma evolução natural do Ponto Zero, criado em 2008. “Sempre tivemos como foco a descoberta de novos talentos com potencial empreendedor. A principal diferença do BtoBe, além da abrangência nacional, é que agora teremos um braço para abrigar estilistas que tenham vontade de desenvolver suas marcas no Brasil e no exterior, independentemente de terem um diploma universitário”, explica Hidalgo.

Para esta primeira edição, foram selecionados no total 12 finalistas, que apresentarão seus trabalhos hoje, no último dia da Casa de Criadores. Na categoria Estudantes de Moda, os candidatos foram escolhidos levando em consideração aspectos comerciais, conceituais e técnicos, como originalidade, qualidade e escolha de materiais. Os finalistas são: Fabio Lima Malheiros – Faculdade Santa Marcelina (SP), Nathan Henrique de Sousa – Universidade Anhembi Morumbi (SP), Flávia Ventura Castro – Universidade Federal de Minas Gerais (MG), Thiago Bernardo da Silva – Universidade FUMEC (MG), Giselle Batista Vieira – SENAC (SP) e Francisco das Chagas Pessoa Cacau Junior – Universidade Federal do Ceará (CE).

Já na categoria Empreendedores de Moda, a seleção dos candidatos levou em consideração questões como foco quesitos como planejamento comercial, capacidade de produção e comunicação de marca. Os finalistas são: Heloisa Strobel Jorge – Reptilla (PR), Naly Fernanda Cabral – Cycleland (SP), Carolina Barbosa de Faria – Carolina Barbosa (SP), Bruna Cineze Santini – UNAK (SP), Teca Pasqua – Cisô (SP) e Cinthia Madero/Mell Barbosa – Enk-b (SP).

Confira o desfile de todos os participantes do Projeto BtoBe na Casa de Criadores:

11 comentários em O projeto BtoBe da Casa de Criadores

  1. Marcela Marques comentou:

    Admiro muito a casa de criadores. Sempre descobrem grandes nomes! Vou ficar ligada nesses estilistas revelação do BtoBe! Muito legal!

  2. Pingback: Novos Talentos: Nathan Sousa, da Nosotros » Costanza Who

  3. Pingback: Novos Talentos: Thiago Bernardo » Costanza Who

  4. Pingback: Novos Talentos: Giselle Batista Vieira, da Brado » Costanza Who

  5. Pingback: Coquetel MIH Catwalk – por Thiago Bernardo |

  6. Pingback: Novos Talentos: Fábio Lima Malheiros » Costanza Who

  7. Pingback: Novos Talentos: Cacau Francisco » Costanza Who

  8. Pingback: Novos Talentos: Cacau Francisco - Costanza Who

  9. Pingback: Novos Talentos: Fábio Lima Malheiros - Costanza Who

  10. Pingback: Novos Talentos: Gabriela Braga - Costanza Who

  11. Pingback: Novos Talentos: Ana Luisa Barros - Costanza Who

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *