O #melhorgrupo do Fashionismo e o que isso tem a ver com a desmistificação da blogueira

Há mais ou menos um ano atrás, caí de paraquedas num grupo (#melhorgrupo) do facebook de um dos meus blogs favoritos – o Fashionismo. Sou fã da Thereza Chammas há muitos, muitos anos, mas não lembro bem como fui parar lá. Mas o que nasceu nas mãos de Thereza como um simples espaço para reunir as leitoras e trocar dicas de moda, hoje se tornou muito maior do que isso.

#melhorgrupo Fashionismo

O aniversário de um ano do #melhorgrupo foi comemorado (com estilo!) no rooftop do Hilton, com direito a jabá para as 150 leitoras

O #melhorgrupo, apelido carinhoso dado pelas participantes, reúne meninas e meninos que têm em comum apenas o interesse pelo Fashionismo. Mesmo. Tem gente de todas as idades, de vários lugares do Brasil (e do mundo) e de diferentes crenças religiosas. Mas lá acontece uma coisa mágica, raríssima de se ver principalmente na internet: todo mundo se respeita. Então dá pra ter discussão de feminismo, racismo, homofobia, aborto, drogas e qualquer outro tema polêmico. Aí você se pergunta: mas o que tudo isso tem a ver com moda – que é, afinal, o tema do blog que deu origem a isso tudo? Então, não tem. E essa é a graça da coisa: o grupo é para para pessoas reais. Que gostam de moda e consomem sim, mas são seres humanos e também fazem muito mais do que isso. Elas estudam, têm profissões e outros interesses, não vivem num mundo de fantasia direto de um episódio de Gossip Girl.

Acontece que, se Thereza tivesse decidido criar o #melhorgrupo e só aparecesse por lá meia dúzia de vezes, a gente certamente não estaria falando dele agora. Foi justamente a proximidade entre blogueira e leitores numa dose quase diária que gerou esse resultado. O contato acontece de forma super informal e natural – como se você tivesse falando com uma amiga, só que nesse caso é alguém que você admira. Deu tão, mas tão certo, que o aniversário de 1 ano foi comemorado no rooftop do hotel Hilton, no Rio de Janeiro, com 150 leitoras de todo o Brasil. Quer prova maior de sucesso?

#melhorgrupo Fashionismo

Até a escolha das 150 sortudas entre mais de 1.700 participantes foi democrática: ordem de chegada e comprometimento em não faltar no dia

#melhorgrupo Fashionismo

É claro que Kim Kardashian, uma espécie de mascote do grupo (e da própria Thereza) não podia deixar de marcar presença

O que eu defendo é o seguinte: já passou a época das blogueiras com lifestyle e contas bancárias inalcançáveis. Não tem mais (tanto) espaço pra falar só de grifes caríssimas e bolsas que custam o valor de um carro. É lindo de ver, só que hoje faz sucesso quem mantém o pé no chão e sabe que 99% de suas leitoras vão comprar mesmo é na fast-fashion mais próxima. E quem sabe que um contato próximo e humano é sempre muito mais legal do que ser inatingível à la Anna Wintour. Queremos mesmo é mais Therezas por aí!

–––

Gostou? Pra ficar sabendo (só uma vez por semana!) do que publicamos de mais legal aqui no Costanza Who, clique aqui e cadastre seu email na nossa newsletter.

7 comentários em O #melhorgrupo do Fashionismo e o que isso tem a ver com a desmistificação da blogueira

  1. Isa comentou:

    Concordo total! Não participo do grupo, mas imagino o quanto deve ser legal porque a Thereza é maravilhosa e super acessível! Amo blogs assim! Acho precisamos voltar para a origem quando o blog e a redes sociais faziam as pessoas socializarem entre si. A gente comentava nos blogs, trocava ideias e dicas. Hoje as blogueiras querem virar celebridades, só postar e esperar os milhares de comentários com elogias das leitoras que elas não “terão tempo” para responder porque a vida anda muito corrida.. aham, sei..
    Beijooo!

  2. priscilla barreto comentou:

    Reunir 150 leitoras em uma tarde não é para qualquer uma. Sempre gostei muito do Fashionismo e da Thereza, e esse é só o reconhecimento de um trabalho muito bem feito combinado com dedicação e carinho.
    Quem sabe um dia chego lá rs!

    Outro grupo parecido que participo e adoro é o Modices da querida Carla Lemos.

    Bjs

  3. Fê Gonçalves comentou:

    Esse evento com as leitoras foi demais!!! E eu concordo que os blogs precisam ser mais pé no chão! Tem público para tudo, mas a grande maioria está cansada de ver um estilo de vida que não cabe na vida delas. Alguns gostam por curiosidade, mas a maioria quer ver a vida real mesmo. Um beijo

  4. Marta Mello comentou:

    Amo/sou melhor grupo. E é exatamente esse o sentimento!

  5. Thaise comentou:

    Que texto lindo… Melhor grupo é isso ai, devemos tudo a The (Lá temos a mania de nos acharmos íntimas), blogueira vida real, com conteúdo diferenciado e diversificado! O #melhorgrupo foi um presente que ganhei, aprendi muito, estou em processo de descontrução diária e fiz amizades pra vida toda, não tem como não amar, é único, é maravilhoso! Parabéns!!

  6. Vanessa Carlos comentou:

    ÊÊÊÊ que lindo <3 #melhorgrupo é tudo isso e mais um pouco!!
    A #The é muito querida mesmo, parabéns pelo texto!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *